Confira funcionamento do comércio para dias do Trabalho e das Mães

Confira funcionamento do comércio para dias do Trabalho e das Mães


A capital baiana continua na fase vermelha do plano de retomada das atividades econômicas, elaborado pela Prefeitura, com o objetivo de assegurar um retorno com responsabilidade, planejamento e segurança. Conforme estabelecido pelo decreto, no feriado do Dia do Trabalhador (1° de maio), algumas medidas restritivas seguem em vigor. Já para o Dia das Mães (8 de maio), a administração municipal autorizou o funcionamento do comércio em mais três datas, a partir deste domingo (2).
 
De acordo com o plano de retomada, aos sábados poderão funcionar comércio de rua, shoppings centers, centros comerciais e semelhantes (das 10h às 19h, sendo que os prestadores de serviços localizados nessas áreas devem obedecer ao horário dos centros de compras), barbearias, salões de beleza e similares (10h às 18h).
 
Durante todo o final de semana, estão liberados para abrir restaurantes e bares, das 10h às 20h. Os estabelecimentos instalados em shoppings devem obedecer ao fechamento dos centros de compras, que é às 19h, exceto quando houver entrada independente, que, aí sim, ficará sob o regime do próprio setor. As lanchonetes poderão abrir das 7h às 15h.
 
Nessa fase vermelha continuarão fechados centros culturais, museus e galerias de arte, clubes sociais, recreativos e esportivos, cinemas, teatros, espaços de eventos sociais (casamento, aniversário, bodas, formatura e similares), espaços de eventos infantis, parques de diversão e parques temáticos, campos e quadras públicas, centro e espaços de convenções e parques.
 
A praias voltarão a ser liberadas a partir de segunda (3), sempre de segunda a sexta-feira, com horário livre. A exceção fica para o Porto da Barra, que estará aberta ao público de terça a sexta-feira, também com horário livre.
 
Prosseguem com funcionamento todos os dias os serviços de saúde, supermercados, panificadoras, delicatessens, açougues e conveniências, farmácias e drogarias, agências bancárias, lotéricas, laboratórios de análises clínicas, postos de combustíveis, call centers, oficinas mecânicas e borracharias, cemitérios e serviços funerários, hotéis, pousadas e demais estabelecimentos de alojamento, academias de ginástica e similares, cursos livres, templos religiosos e igrejas, conforme decreto municipal e seguindo o decreto estadual do toque de recolher, das 21h às 5h.
 
Dia das Mães – Diante da proximidade do Dia das Mães, a Prefeitura autorizou a abertura do comércio de rua, das 10h às 18h, e dos shoppings centers e centros comerciais e similares, das 10h às 20h, nos seguintes dias: 2 (domingo), 3 (segunda-feira) e o próprio Dia das Mães, no domingo (8).
 
Fiscalização — Com o objetivo de assegurar o cumprimento dos decretos contra a propagação da Covid-19, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) coordena a força-tarefa de fiscalização da Prefeitura, com o apoio da Polícia Militar.
 
Mais de 120 agentes irão atuar na linha de frente, em três turnos, fiscalizando os estabelecimentos da cidade, dispersando aglomerações e ajudando a conter a disseminação da doença.
 
Mesmo com a previsão de chuva, a Guarda Civil Municipal (GCM) segue com a operação Tira o Pé da Areia, para fiscalizar as praias da cidade que permanecem interditadas até o domingo (2), conforme decreto municipal.
 
O órgão também atua na escolta das vacinas, apoio nos pontos de vacinação, blitz de lei seca, patrulhamento e monitoramento de áreas públicas e outras demandas que surgem ao longo do dia.
 

Veja também

Michelle Marie